MATÉRIAS/REVIEWS
 
  
 
23/01/2015
REVIEW - HQ: PANTERA NEGRA - QUEM É O PANTERA NEGRA?
 
 
Pantera Negra - Quem é o Pantera Negra?
 
 
 
 
 
 
 
 


O Pantera Negra é considerado o primeiro super-herói negro da história e sempre deteve certa posição de destaque dentro da Marvel, que também trouxe ao mundo heróis afrodescendentes, como Tempestade, Luke Cage, Falcão e Blade, todos de grande relevância para suas equipes ou em aventuras solo, diferente do que ocorria em outras editoras, cujos personagens negros costumavam ficar em segundo plano.

Ainda assim, o passado e o presente de T´Challa sempre foi um tanto obscuro para a maioria dos leitores da Marvel. Sabíamos pouco sobre seu país, Wakanda, sobre sua família e sobre o surgimento do herói Pantera Negra. Felizmente, Reginald Hudlin optou por preencher as lacunas em vez de apenas inserir o personagem em meio a aventuras protagonizadas por uma maioria de heróis brancos, como o Quarteto Fantástico e os Vingadores. E assim a justiça foi feita.

No arco Quem é o Pantera Negra? ficamos sabendo com maiores detalhes quem eram os pais e irmãos de T´Challa, como Wakanda se tornou um país totalmente livre, autossuficiente e muito desenvolvido em se tratando de cultura e tecnologia. E é justamente nesta relação de Wakanda com os demais países do globo que reside a força da história. As maquinações da política internacional são desnudadas, o que nos permite conferir toda a sujeira em torno do lucro e dos interesses pelo poder. E, neste contexto, é claro, nem os Estados Unidos e as principais nações europeias são poupadas das críticas sócio-políticas. Pelo contrário. Esses países se mostram cobertos de lama assim como os vizinhos de Wakanda sob a tutela de ditadores cruéis e imorais. Ponto positivo para Hudlin neste quesito.

Porém, para além da “Eldorado africana”, resta pouco de realmente louvável em Quem é o Pantera Negra? A história vai muito bem quando o foco é o personagem principal e seu invejado e cobiçado país, mas o mesmo não pode ser dito sobre o enredo. Com antagonistas desinteressantes e trabalhados somente na superfície, a história se enfraquece muito quando os conflitos fogem ao caráter político. Hudlin até tenta unir uma coisa à outra, mas sem muito sucesso, justamente porque há um forte desequilíbrio conceitual entre a vilania dos fantasiados e dos engravatados. As motivações dos vilões são ingênuas e nem de longe se aproximam da credibilidade por detrás dos propósitos dos políticos.

E tem também o final... tão repentino quanto descabido. Hudlin perdeu a mão ao criar antagonistas em demasia e depois ficar sem saber o que fazer ao certo com cada um. A impressão que fica é que a tentativa foi a de adicionar a maior quantidade possível de vilões oriundos de países distintos, em um pot-pourri de antagonistas internacionais para enfatizar que Wakanda não se submete a ninguém. Com muito menos o resultado poderia ter sido muito melhor.

Uma história de enredo fraco, mas com um personagem muito forte que, individualmente, até que foi bem trabalhado, apesar de certos deslizes, principalmente em relação aos diálogos, que algumas vezes ficam deslocados, exagerados ou ingênuos.

Pantera Negra - Quem é o Pantera Negra? (Coleção Oficial de Graphic Novels Marvel Vol. 38) - 160 páginas - formato 17 x 26 cm - R$ 32,90 - lançado em janeiro de 2015 – Editora Salvat do Brasil (coleção prevista para ter 60 volumes).

Veja também:
- Notícias diversas sobre o Pantera Negra
- Outros reviews e matérias

  facebook


 


 

Seções
HQ Maniacs
Redes Sociais
HQ Maniacs - Todas as marcas e denominações comerciais apresentadas neste site são registradas e/ou de propriedade de seus respectivos titulares e estão sendo usadas somente para divulgação. :: HQ Maniacs - fundado em 19.08.2001 :: Brasil