MATÉRIAS/REVIEWS
 
  
 
30/05/2005
MATÉRIA: NATHAN NEVER
 
 
Nathan Never no traço de Claudio Castellini
 
 
Nathan Never #1
 
 
Nathan Never: Agenzia Alfa #1
 
 
Martin Mystère & Nathan Never
 
 
Nathan Never #29
 
 
Nathan Never #77
 
 
Nathan Never #100
 
 
Nathan Never #108
 



:: Saudades do século XXII
Todos devem conhecer ou pelo menos já viram nas bancas as revistas do caubói Tex. Este personagem é o representante mais popular dos fumetti, como são chamados os quadrinhos italianos em seu país de origem. Porém, se você não é fã de faroeste, fique sabendo que a Sergio Bonelli Editore, que publica as aventuras do destemido ranger, reserva outras opções. Pois se muitos leitores cultuam os aventureiros do passado, uma outra parcela prefere deixar a imaginação percorrer os caminhos do futuro. Para estes, a Sergio Bonelli Editore tem um personagem que atende perfeitamente aos seus anseios: NATHAN NEVER!

:: Quem é Nathan Never?
Nascido na bucólica cidade de Gadalas, o jovem Nathan Never ficou órfão por obra da Yakuza. Ao fim de sua adolescência, alistou-se na Infantaria Espacial (uma alusão dos autores às “Tropas Estelares” de Robert A. Henlein). Durante este período, conheceu aquela que viria a ser sua esposa, Laura Lorring. Ao completar o serviço militar, retornou à Terra e entrou para a polícia. Um ano depois, nasceu a filha do casal, Ann.

O sargento Nathan Never destacou-se como o melhor policial de sua unidade, mas a obssessão pelo trabalho o tornou irascível e egoísta. Com o casamento em crise devido às constantes discussões, Nathan inicia um relacionamento com a Procuradora Distrital Sarah McBain. É após um destes encontros que Nathan recebe a notícia de que sua esposa foi assassinada pelo criminoso Ned Mace e sua filha raptada por ele. Ann é libertada meses depois, mas a terrível experiência a faz mergulhar num estado de autismo e ela é internada no sanatório Sinclair Asylum.

A dor e o sentimento de culpa por estar ausente quando sua família mais precisou dele torturaram Nathan a ponto de seus cabelos ficarem brancos prematuramente. Refugiando-se na estação orbital Tersicore, onde se dedica a aprender a arte marcial Jeet Kune Do (estilo criado por Bruce Lee), torna-se mestre Shaolin. Alguns anos depois, o empresário Edward Reiser propõe a ele que faça parte de sua agência de segurança privada, a Agência Alfa. Nathan aceita somente para poder pagar o tratamento que vai curar Ann.

Mas o homem que retorna à Terra não é mais o Nathan Never de outrora. Melancólico e solitário, quando não está absorto em suas investigações, ele coleciona livros e discos como lembranças de uma época que ele não viveu.

:: Cronologia dos acontecimentos
Para entender o mundo caótico em que vive Nathan Never, é necessário estar ciente dos acontecimentos ocorridos no ano 2024 d.C.  Nesta época, a escassez de combustíveis sem precedentes no mundo levou os cientistas a buscarem uma nova alternativa energética no centro da Terra. Cientistas lançaram um torpedo às profundezas do planeta, visando canalizar o magma do núcleo terrestre e extrair energia abundante e barata.

O experimento teve resultados terríveis. Terremotos racharam a crosta terrestre, maremotos varreram a superfície e trouxeram à tona depósitos de lixo atômico, causando milhões de mortes. A nuvem radioativa resultante contaminou uma vasta região, que passou a ser chamada “O Território”.

No mesmo ano, foi eleito o primeiro Papa negro da História, Gregório XVIII, nascido na Ilha de Bali. Entrando em acordo com os governos remanescentes, ele propôs um novo começo à humanidade. Aplicando o sistema de medida de tempo utilizado em sua ilha natal, o Papa determinou que o calendário retrocedesse 78 anos. Assim, 2024 d.C. tornou-se 1946. A idéia foi acatada por todos.

O mundo mudou tanto geograficamente quanto culturalmente. As leis de proteção ambiental tornaram-se mais rígidas, agora que o espaço vital dos seres humanos estava reduzido. A corrida espacial tomou novo impulso. Grandes estações espaciais foram construídas em órbita da Terra para abrigar milhares de sobreviventes que perderam tudo na Grande Catástrofe.

Em 2051, o doutor Sung iniciou o projeto C3, dando origem a robôs inteligentes com habilidades avançadas. São robôs do tipo “asimoviano”, pois sua programação segue as “Três Leis da Robótica”, criadas pelo escritor de ficção-científica Isaac Asimov.
Em 2084, o Ato Callaghan tornou oficial a atuação das agências particulares de segurança, para fazer frente ao crime que a polícia não consegue mais conter.

As histórias atuais de Nathan Never se passam no ano 2105, o que equivaleria ao ano 2183 d.C., portanto, final do século XXII.

:: A Cidade
O Agente Especial Alfa vive na Cidade Leste, grande megalópole da costa oriental da América do Norte (presume-se que no mesmo local da atual Nova York). Os Estados Unidos não existem mais, o país foi fragmentado em diversas cidades-estado após as catástrofes de 2024 d.C..

A Cidade Leste é um emaranhado de arranha-céus luminosos e enormes edifícios metálicos, repletos de telões gigantes e rampas de pouso para flyers (veículos voadores). As grandes estruturas são entrecortadas por estradas, pontes e passagens. Qualquer semelhança com a Los Angeles de “Blade Runner” não é mera coincidência.

Como característica adicional, esta grande concentração urbana é dividida em vários níveis verticais. Ao nível do solo, vivem os mutati, seres concebidos pela engenharia genética para trabalho pesado. São discriminados pelos humanos normais, sendo vedada a eles qualquer possibilidade de ascensão social, embora haja movimentos empenhados em diminuir este preconceito. Os mutati são reconhecíveis pela cor branca de suas pupilas e orelhas pontudas.

Recentemente, uma guerra entre a Terra e as estações orbitais causou grande devastação, inclusive abrindo uma grande cratera na Cidade Leste. Por causa desta referência direta ao 11 de setembro de 2001, Nathan Never é considerado o mais “americano” dos personagens Bonelli.

:: Seus amigos
Rebecca ‘Legs’ Weaver foi inspirada no personagem de Sigourney Weaver nos filmes da série Alien. Ela é dura, violenta, sarcástica e letal. De caráter facilmente irritável, a agente especial Legs Weaver é especialista em armas pesadas, artes marciais e explosivos de qualquer tipo. Grande amiga e colega de Nathan Never, Legs foi a primeira pessoa recrutada por Reiser quando formou a Agência Alfa.

Sigmund ‘Siggy’ Baginov é de origem polonesa, especialista em informática avançada, ciberespaço e dispositivos bélicos computadorizados. Tem a característica peculiar de gaguejar quando se comunica com as pessoas, mas não quando fala com máquinas.

Edward Reiser é o chefe da Agência Alfa, com quem Nathan vive discutindo. Pragmático, exige resultados de seus agentes.

As irmãs May e April Frayn trabalhavam com o pai, Donald Frayn, roubando obras de arte. Deixaram esta atividade e se juntaram à Agência Alfa.

Também são presenças freqüentes nas histórias o cínico Andy Havilland, o agente Jack O’Ryan, o negro Al Goodman e a recepcionista da Agência Alfa, Janine Spengler.

:: Seus inimigos
Além de criminosos comuns, destaca-se como grande inimigo de Nathan Never o líder da “Seita da Divina Presença”, Aristotele Skotos. Sob a fachada de profeta, ele comanda uma vasta organização criminosa, auxiliado por seu filho, o perverso Kal Skotos.

Também merecem menção o milionário com sonhos de conquista Athos Than e a obscura Irmandade das Sombras.

Num possível futuro, um clone de Nathan Never com o nome de Nemo combaterá os Tecnodróides (ciborgues inspirados nos Borgs de “Star Trek: The Next Generation”), que almejam a supremacia sobre os seres humanos. Esta saga é publicada no título italiano “Nathan Never Gigante”.

:: Crossovers
Nathan Never já enfrentou os perigos da Guerra Permanente entre Mu e a Atlântida ao lado da encarnação robótica de Martin Mystère, o Detetive do Impossível. Graças à tecnologia de seu arquiinimigo Mister Jinx, Mystère copiou seu cérebro para a memória de um andróide, que acaba lutando ao lado do Agente Alfa.

Estas histórias foram publicadas nos números 60 a 65 da série mensal e em duas edições especiais lançadas em 1996 e 2001. Nesta saga, ocorre um diálogo interessante entre Nathan e Hadija, sua segunda esposa, quando ela pergunta, referindo-se ao Martin Mystère andróide: “Este homem é um robô?”. A resposta: “Não, este robô é um homem.”

Na história “Zona Proibida”, do número 07 da série mensal, há um breve encontro de Nathan Never com um bisneto de Mister No que é a cara do piloto maluco da Amazônia. Não por acaso, o descendente de Jerry Drake é dono de uma companhia de ônibus espaciais, a “Drake Spaceways”.

:: Criadores e desenhistas
Antonio Serra, Bepi Vigna e Michelle Medda foram apelidados de “o bando dos sardos” pelo criador de Martin Mystère, Alfredo Castelli, pois os três são provenientes da Sardenha. Em contrapartida, homenagearam Castelli com o personagem Al Castle, no número 02 da série mensal de Nathan Never. Michelle Medda e Bepi Vigna já haviam escrito histórias de Nick Raider.

Para as páginas hipertecnológicas da série, os três sardos contaram com jovens e promissores desenhistas, quase todos estreantes. O idealizador gráfico de Nathan Never foi o romano Claudio Castellini. Com um traço fortemente influenciado por John Buscema e Neal Adams, fez as capas até o número 59 e desenhou a primeira história e a hq curta “Luna”. Mudou-se para os Estados Unidos, onde trabalha para a Marvel. Quem assumiu seu posto foi Roberto De Angelis, com um traço de fortes elementos cyberpunk, ao estilo “Blade Runner”.

Também merecem ser citados o ótimo Nicola Mari, com seu traço caricato; Stefano Casini, que começou com uma arte ruim nos números 03 e 04 e evoluiu surpreendentemente nas edições seguintes; e o argentino Romeo Toffanetti.

:: Curiosidades
Nathan Never foi o primeiro fumetto de ficção-científica lançado pela Sergio Bonelli Editore em junho de 1991.

Os atores Harrison Ford, Mickey Rourke e Clint Eastwood serviram de modelo para a elaboração das feições de Nathan Never. O policial Rick Deckard, de “Blade Runner – O Caçador de Andróides” (1982), interpretado por Ford, também é uma influência marcante no personagem.

Inicialmente, porém, o personagem se chamaria Nathan Nemo e deveria ser lançado em 1986, juntamente com Dylan Dog. Problemas de natureza técnica frustraram esta meta. O trio dos sardos passou os cinco anos seguintes aprimorando sua criação. Trata-se de um dos primeiros personagens a apresentar elementos da cultura cyberpunk em suas histórias.

Os esportes mais populares são o fightball (numa explícita homenagem ao filme “Rollerball – Os Gladiadores do Futuro”, de 1975) e as lutas entre robôs e seres humanos.

Em cada história podem-se identificar várias referências a filmes e livros de ficção científica. No número de estréia, o tema são as “Três Leis da Robótica”, tema recorrente nos livros do autor de ficção-científica Isaac Asimov. No segundo número, todos estão disputando a posse da última cópia do filme “2001-Uma Odisséia no Espaço”. Na edição número 06, é citado o adamantium (metal muito conhecido no Universo Marvel). Nas edições seguintes, podem-se detectar alusões a “Jurassic Park”, “Apocalipse Now”, etc... Isto acaba se constituindo em uma diversão extra ao ler as aventuras do Agente Especial Alfa.

É o terceiro título Bonelli mais vendido na Itália, ficando atrás apenas de Tex e do “Investigador do Pesadelo” Dylan Dog.

Seu título mensal já ultrapassou os 160 números e é acompanhado de outras publicações de periodicidades variadas: Nathan Never Gigante (que conta a saga de Nemo, seu clone no futuro), Speciale, Asteróide Argo (bianual, traz as aventuras de dois agentes Alfa perdidos no espaço), Agenzia Alfa (com histórias de outros agentes Alfa), Almanacco della Fantascienza e Nathan Never Maxi.

A coadjuvante Legs Weaver ganhou título próprio em 1995.

:: Trajetória no Brasil
O Agente Especial Alfa chegou às bancas brasileiras em novembro de 1991, apenas cinco meses depois de estrear na Itália, lançado pela Editora Globo, em uma edição de formato e qualidade idênticos ao original italiano. A ordem de publicação das histórias também seguia a cronologia italiana. A tentativa de publicação, que teve oito edições até junho de 1992, foi mal-sucedida e até hoje se especula sobre as causas do ocorrido.

A aparição seguinte do personagem se deu nas páginas do especial “Fumetti – O Melhor dos Quadrinhos Italianos”, lançado por ocasião da 2ª Bienal de Quadrinhos do Rio de Janeiro, em novembro de 1993, também pela Editora Globo. Nesta edição, foi publicada a história curta “Luna”.

Mais de onze anos foi o tempo que levou para que outra editora tentasse trazer de volta Nathan Never para as bancas brasileiras. Em fevereiro de 2005, a Mythos Editora ensaiou uma volta do personagem nas páginas de “Seleção Bonelli Comics: Tex e os Aventureiros”, um almanaque que traz uma história longa na abertura e várias histórias curtas com outros personagens que estão sendo ou já foram publicados no Brasil. Porém, Nathan Never teve uma curta participação numa história que já era curta, protagonizada pelo coadjuvante Sigmund Baginov.

Para o segundo número deste almanaque, estava programado o primeiro encontro de Martin Mystère e Nathan Never. Porém, a publicação desta história foi suspensa.

A Ediouro, conhecida principalmente por suas revistas de palavras cruzadas, decidiu se lançar no mercado de quadrinhos e chega anunciando o lançamento de Star Wars e de uma mini-série em duas edições de Nathan Never. Como a Mythos Editora ainda não havia optado pelo lançamento de uma série regular de Nathan Never, mas sim, pela publicação de algumas histórias curtas e o crossover com Martin Mystère, a proposta da Ediouro pareceu mais interessante para o negociador internacional do copyright dos personagens Bonelli. Assim, a Mythos está impedida de lançar qualquer história de Nathan Never.

Na Ediouro, o Agente Especial Alfa estará sob os cuidados do jornalista Rodrigo Fonseca, que escreve sobre cinema e quadrinhos para o JBonline e é fã de quadrinhos.

Enfim, pode-se dizer que 2005 está sendo um ano muito bom para este personagem que teve uma passagem meteórica pelo Brasil e passou mais de uma década vivo apenas no coração dos poucos, porém fiéis, fãs!


Alexandre Fontoura Doeppre
alex@texbr.com

  facebook


Nathan Never #123
Nathan Never #162
 


 

Seções
HQ Maniacs
Redes Sociais
HQ Maniacs - Todas as marcas e denominações comerciais apresentadas neste site são registradas e/ou de propriedade de seus respectivos titulares e estão sendo usadas somente para divulgação. :: HQ Maniacs - fundado em 19.08.2001 :: Brasil